Meias medicinais para profilaxia da trombose (MTPS)

Profilaxia da trombose

Meias antiembolia - Meias antiembolia

Meias medicinais da medi para profilaxia da trombose

Sempre que estamos acamados ou vemos a nossa mobilidade reduzida, a bomba muscular da barriga da perna, que dá uma contributo significativo para bombear o sangue venoso de volta ao coração, está inativa. As meias medicinais para profilaxia da trombose exercem pressão (compressão) sobre as veias superficiais das pernas. Têm um gradiente de pressão, que diminui do calcanhar para a coxa. O sangue pode, assim, fluir de volta para o coração mais rapidamente através das veias com diâmetros menores. Isso consegue evitar eficazmente a acumulação de sangue nas veias e a formação de coágulos de sangue perigosos (trombose).

A terapia de compressão

A terapia de compressão com meias antiembolia mediven struva oferece a máxima segurança medicinal. Desta forma, evitam-se eficazmente constrições dolorosas, ou os chamados "edemas de janela", tão frequentes quando se usam bandagens mal aplicadas. As meias antiembolia mediven struva estão disponíveis em diversos tamanhos e comprimentos (meia até ao joelho, meia até à coxa ou até à coxa com cinto). Com estes produtos, podem ser tratados até 80% de todos os pacientes, durante e após uma cirurgia.

Escolher o tamanho - O tamanho certo é determinante

A escolha do tamanho certo é decisiva para a eficácia das meias medicinais para profilaxia da trombose.

Uma meia grande demais não exerce compressão suficiente sobre as veias, o que é insuficiente para a prevenção da trombose. Uma meia pequena demais, pelo contrário, aumenta o risco de trombose. Provoca constrições, as quais travam e podem até mesmo parar o refluxo venoso. A medição certa de uma meia para profilaxia da trombose é, por isso, imprescindível para o efeito preventivo.

Visto que a compressão não atua apenas positivamente sobre o sistema vascular, mas também tem um efeito sobre o sistema arterial, as meias medicinais para profilaxia da trombose estão providas de uma abertura para inspeção na ponteira. Esta abertura permite um controle fácil da situação arterial da circulação sanguínea. Uma coloração escura da pele debaixo das unhas dos dedos dos pés indica um fornecimento arterial insuficiente dos tecidos.

A compressão tem então que ser suprimida até clarificação absoluta da situação. Como contraindicações para a utilização de meias para profilaxia da trombose, enumeramos ainda edemas maciços das pernas, insuficiência cardíaca direita e edema pulmonar. A escolha e a medição correta das meias medicinais para profilaxia da trombose deve ser feita, por conseguinte, por técnicos especializados, mesmo no caso de cuidados domiciliários.

O sistema de tamanhos com código de cor da mediven thrombexin 18 permite uma seleção rápida e simples da meia certa.

Rate this Content

 
 
 
 
 
 
 
Rate
 
 
 
 
 
 
8 Rates
60 %
1
5
3