medi ROM Walker

Mobilização funcional precoce

  • Fácil manuseamento devido a dobradiça patenteada "QuickSet"
  • Fixação segura devido a alça adicional do calcanhar

  Informações sobre especialidades médicas

O ROM Walker serve para mobilização funcional precoce através da articulação ROM (Range Of Motion) regulável

Graças às talas anterior e posterior da perna e às tiras de velcro dispostas em círculo, consegue-se uma compressão controlada.

A sola levantada à frente estimula a marcha fisiológica (raio calculado por computador). O ROM Walker adapta-se individualmente ao estado do edema e permite uma inspecção à ferida e uma higiene corporal sem problemas. Manuseamento simples e utilização agradável.

A sola levantada à frente estimula a marcha fisiológica (raio calculado por computador). O ROM Walker adapta-se individualmente ao estado do edema e permite uma inspecção à ferida e uma higiene corporal sem problemas. Manuseamento simples e utilização agradável.


Propriedades

Vantagens do produto

  • Ângulo de articulação opcionalmente fixo ou excursão parcial; isso permite uma mobilização funcional precoce
  • Flexão plantar: 0°, 10°, 20°, 30°, 40°
  • Flexão dorsal: 20°, 10°, 0°
  • Imobilização a cada ajuste de 10°
  • Marcha fisiológica devido a um design especial da sola (sola curvada)
  • Compressão controlada por concha anterior e posterior, bem como alça de velcro circular

Utilização prevista

A medi ROM Walker é uma ortótese para a parte inferior da perna e do pé, para mobilização em amplitudes de movimento ajustáveis.

Detalhes

Cores padrão


Composição do material

Alumínio, espuma PU, algodão

Tamanhos


Tamanhos

S
M
L

Informações sobre especialidades médicas

Indicações

Todas as indicações, para as quais é necessária uma mobilização funcional precoce com limitação de movimentos nas articulações da região inferior da perna e do pé, como por exemplo:

  • Após fraturas da fíbula (pós-operatório e não-cirúrgico)
  • Após fraturas da luxação da articulação talocrural
  • Após lesões do peito do pé e do metatarso, bem como do tarso (não-cirúrgico)
  • Após lesões de ligamentos, de partes moles e de tendões tratados cirurgicamente
  • Acompanhamento do tratamento das fraturas do talo, fraturas do calcâneo e fraturas internas do tornozelo
  • Para terapia funcional precoce em caso de rutura do tendão de Aquiles (não cirúrgico/pós-operatório)

Contraindicações

  • Fraturas instáveis ou fraturas da tíbia ou fíbula proximal

Contraindicações (absolutas)

  • Fraturas instáveis ou fraturas da tíbia ou fíbula
  • Defeitos das partes moles e transtornos na cicatrização de feridas
  • Transtornos existentes de drenagem linfática
  • Transtornos de sensibilidade e perfusão das pernas ou pés (p. ex., no caso de diabetes)

Material informativo

Contato

Contato