Trombose de viagem

Síndroma da classe econômica

Trombose de viagem - Trombose de viagem

De pernas leves para as férias

40 de 400 passageiros saem do avião com um coágulo nas veias dos membros inferiores, muitas vezes sem o notarem*. Muitos passageiros chegam ao destino com pernas pesadas e tornozelos inchados.

Estar sentado várias horas num espaço estreito desacelera o fluxo sanguíneo nas veias das pernas. Isso pode ajudar à formação de coágulos sanguíneos.

Visto que este fenómeno acontece especialmente não só em viagens de avião, mas também de autocarro ou de carro, fala-se da "trombose de viagem" ou do Síndrome da classe turística. Já na década de 1950 foram revelados os primeiros casos de embolias pulmonares depois de tromboses de viagem. Mesmo pessoas com veias saudáveis podem ser afetadas!

Prevenir a trombose de viagem

Aqui vão algumas dicas acerca da forma como você pode prevenir a trombose de viagem:

  • Levante-se e caminhe de um lado para o outro
  • Beba muita água, chá ou bebidas semelhantes
  • Faça exercícios com os pés: flexões, extensões e movimentos circulares com os tornozelos ativam a circulação do sangue

O vestuário médico de compressão é o companheiro ideal de viagem para pessoas que pertencem a grupos de risco elevado (por exemplo, pouco tempo após uma cirurgia), ou grupos de risco moderado (por exemplo, viajantes com mais de 60 anos ou pessoas obesas ou com história familiar de trombose).

O médico pode prescrever este vestuário, se for necessário, e também irá recomendar exercícios com as pernas e aconselhar medicamentos.

As meias de viagem minimizam o risco de trombose

Pessoas com veias saudáveis podem minimizar o risco de trombose e pernas inchadas com meias de viagem. A compressão rigorosamente definida (medi compression) diminui no sentido do joelho, as veias são apertadas e as válvulas venosas podem voltar a se fechar. O sangue "usado" flui de volta para o coração mais rapidamente. 

Meias de viagem

A medi introduziu no mercado a primeira meia de viagem clinicamente testada para reduzir o risco de trombose, p. ex., em voos de longo curso e para que chegue ao seu destino com pernas mais leves e desinchadas: medi travel.

* Fonte: www.eurocom-info.de

Rate this Content

 
 
 
 
 
 
 
Rate
 
 
 
 
 
 
1 Rates
100 %
1
5
5